Turismo Religioso

Na Quinta Lamosa Ecoturismo, achamos importante esta semana publicar aqui no nosso blog o artigo que o Turismo Porto e Norte de Portugal (TPNP) escreveu e publicou no seu site. Uma vertente de turismo que conta, fazendo , parte da historia de Portugal. Razão pela qual recomendamos a sua leitura.
Arcos Valdevez, é um exemplo disso com o museu do Barroco, na antiga Igreja barroca do Espírito Santo; Nos na Quinta Lamosa promovemos um turismo que leve os nossos hospedes a descobrir as origens e a historia de Portugal.

“TURISMO RELIGIOSO
A religião está na origem de importantes fluxos migratórios na Europa e é sem dúvida uma das formas de turismo mais antigas. A região do Porto e Norte de Portugal faz parte desta rede de destinos e Braga é a expressão mais importante, exibindo um património artístico valiosíssimo, destacando-se como um dos destinos religiosos mais marcantes de Portugal. Sabia que na Idade Média Braga disputava com Santiago de Compostela o título de centro da Cristandade na Península por ser a Sede do arcebispado de toda a Península Ibérica? É no séc. XII que os Caminhos de Santiago em Portugal adquirem maior difusão, particularmente a partir da nacionalidade. Estes caminhos foram traçados por peregrinos nas suas migrações para Santiago de Compostela para venerar as relíquias do apóstolo Santiago Maior. Sabia que o caminho português mais antigo é o Caminho do Norte, que passa por lugares onde o próprio São Tiago esteve? A história e a tradição das peregrinações a partir de Portugal para Santiago de Compostela encontram o seu baluarte no Porto e Norte de Portugal. Por isso, com o intuito de o receber melhor e de lhe permitir mais conforto, este destino tem vindo a alargar a rede de albergues de apoio ao caminheiro.

A Fé e as formas de devoção religiosa têm deixado marcas singulares e de importância assinalável na região e o judaísmo constitui uma dessas expressões. Sabia que a cidade do Porto possui a maior sinagoga (Kadoorie Mekor Haim) da Península Ibérica e que foi no morro da Sé que se localizou a primeira Judiaria no Porto?

As romarias constituem uma parte incontornável da experiência religiosa no Norte de Portugal. Sabia que o maior andor do mundo pertence a Lousada e pode ser visto nas Festas da Senhora da Aparecida? Tem 22 metros de altura, pesa 1500 quilos e é transportado por 80 pessoas. Mas há mais… Também os andores de Mouçós, em Vila Real, durante a Romaria de Nossa Sra. da Pena impressionam os devotos e visitantes também pela sua dimensão e cores alegres. A região está repleta de momentos de veneração e celebração. A Romaria de Nossa Sra. da Agonia, em Viana do Castelo, as festas em honra de Nª Sra. dos Remédios, em Lamego, ou a Semana Santa em Braga, são marcos importantíssimos que testemunham a força da fé no Porto e Norte de Portugal.

A religião e a fé também têm estendido a mão à contemporaneidade e a Igreja de Santa Maria, do Arquiteto Álvaro Siza Vieira, no Marco de Canaveses, é um belo exemplar arquitectónico e um espaço de devoção que merece ser visitado.

Venha conhecer-nos melhor e sentir a força da Fé que ao longo de séculos tem marcado esta região!”
fonte: TPNP

Share This
%d bloggers like this: